domingo, 15 de março de 2009

Carta aberta aos deputados e membros do governo


Na qualidade de cidadão, tenho conhecimento obtido no dia a dia, que a maioria dos idosos vivem em condições de miséria, porque é impossível sobreviver dignamente com o valor das pensões atribuídas, sendo o complemento especial para idosos, uma demagogia a que poucos têm acesso e cujo valor é ridículo...

Como é possível que os partidos políticos representados no parlamento não tenham a coragem de tomar medidas concretas, tornar viáveis acordos que ofereçam dignidade e vida a estas pessoas... Como forma de demonstrar essa vontade, seria coerente que cada deputado afectásse 10% do seu rendimento líquido a uma associação de apoio aos mais carenciados. O mesmo se aplicaria a cada membro do governo... Este gesto seria uma gota num oceano, mas seria o suficiente para que os cidadãos voltassem a acreditar nas pessoas.

Fica o desafio imediato, basta V.Exas. decidirem, depende apenas das vossas consciências.

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails