terça-feira, 14 de julho de 2009

Afeganistão, Iraque e outros crimes continuados...


A celebre imagem das Lajes,onde se declarou a guerra, na qual estavam presentes o Presidente Bush, o ministro Durão Barroso e os primeiros ministros espanhol e inglês, não passou de um ultraje ao mundo civilizado e o anúncio mais grosseiro da violação de direitos humanos. Por ser verdade, o actual Presidente da Comissão Europeia, Durão Barroso, não passava de um medíocre primeiro-ministro que, em busca da esmeralda perdida, abandonou o país deixando-o num estado deplorável... Em nome de um terrorismo que o ocidente financia e gere económica e financeiramente, restando a utilização da ignorância fundamentalista religiosa para recrutar e activar operacionais que cometem actos de terrorismo na qualidade de mártires. Os ditos terroristas são soldados de organizações que actuam em todo o globo e que são financiadas por estruturas legais de estados pretensamente democráticos. Chegou o tempo do império americano, fazendo jus à ideologia do Presidente Obama, fazer cessar todas as guerras, em especial a guerra do Iraque e do Afeganistão. Importa advertir que provocar um novo atentado na América ou na Europa, atribuindo o mesmo a um comando iraniano ou norte-coreano, de forma a justificar um ataque nuclear a estes países, não constitui plano credível... É certo que existem inúmeras ditaduras neste planeta, o que não significa que o Ocidente se invista num mandato galáctico para as erradicar. Se a filosofia é essa, está na altura de invadir a China, dado que é a maior ditadura do mundo e a maior ameaça nuclear! Não existem nem poderão existir no ordenamento jurídico internacional, as chamadas guerras preventivas... Não existem guerras justas nem santas, não existem eixos do bem ou do mal... Lamentavelmente, o que existem são interesses e máfias ,cujo negócio é a morte e destruição! Quanto à validade e legitimação das Nações Unidas, todos sabemos que valem o que valem... Existem inúmeras deliberações das Nações Unidas para acabar com a Guerra em vários países, bem como por fim aos milhares de milhões de mortos por ausência de ajuda humanitária institucional. Democracia pressupõe defesa da vida, solidariedade e promoção da paz... Definitivamente, o Ocidente, é responsável por este Holocausto sem nome e sem rosto...

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails